Notícias

XIII Encontro dos Docentes das Universidades Estaduais baianas se encerra de forma vitoriosa



 No último final de semana, entre os dias 26, 27 e 28 de maio, ocorreu em Ilhéus (BA) o XIII Encontro dos Docentes das UEBA com o tema “Em defesa do serviço público e da universidade: contra a ofensiva conservadora”. O espaço reuniu cerca de 50 representações docentes da Bahia, que discutiu e elaborou política para o Movimento Docente (MD) para o próximo período diante da conjuntura de retirada de direitos nacional e estadual.

O Encontro é um espaço histórico do Fórum das ADs que existe há quase trinta anos, desde a década de 80. Para Milton Pinheiro, atual coordenador do Fórum das ADs, esse encontro, além de fortalecer o movimento docente e a unificação das lutas em torno da autonomia universitária, do orçamento, de melhores salários e condições trabalho, aconteceu também em uma conjuntura especial, em que a classe trabalhadora se levanta contra o governo de Michel Temer (PMDB) e está nas lutas de resistência, a exemplo da greve geral do dia 28 de Abril e da Marcha Brasília.

Mesas
 
Com o auditório cheio, o encontro foi aberto com a saudação de diversas entidades que reivindicaram o espaço e o papel que as Associações Docentes cumprem na Bahia. Estiveram presentes representantes da CSP-Conlutas, ANDES-SN, reitoria da UESC, DCE UESC, coordenação do Fórum das ADs, diretoria da ADUSC – que sediou o evento – e a Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB).
 
 A primeira mesa temática abordou o assunto central do encontro com as palestrantes Sara Granemann, professora da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Zilmar Averita, da Universidade Federal da Bahia (UFBA) e o 1º vice-presidente do ANDES-SN, Luis Eduardo Acosta. A mesa tratou sobre a atual conjuntura do país, as contrarreformas da Previdência e Trabalhista e as últimas grandes manifestações protagonizadas pela classe trabalhadora brasileira junto com o debate sobre as mulheres no mercado de trabalho e no capitalismo.

Grupos de Trabalho e Plenária Final
 
Além do encontro ser um espaço que discutiu os principais temas da conjuntura, também elaborou política e iniciativas para a realidade e atual conjuntura das UEBA. Os Grupos de Trabalho (GTs) foram o laboratório para isso, passando por tratar de questões como “Ajuste fiscal, previdência e financiamento das UEBA”, “Opressões, assédio moral e adoecimento docente” e “Ofensiva conservadora e a carreira docente”. 
 
Os encaminhamentos foram aprovados na plenária final junto às moções de repúdio. Confira o relatório final do encontro no anexo. 
 
Acesse todas as fotos do Encontro das UEBA na página do Facebook do Fórum das ADs. 
 
Texto: Ascom Fórum das ADs
 
Anexos:
Relatrio final XIII Encontro das Ueba